Never Say Never Again 1983 Portuguese-BR Português

Posted by on August 9, 2012

movie image

Descarregar da legenda Never Say Never Again 1983 Portuguese-BR Português

Never Say Never Again -- A SPECTRE agent has stolen two American nuclear warheads, and James Bond must find their targets before they are detonated.

 

1 minuto e 47 segundos, Sr.
– Nada mau, Sr.
– Mas morto, 007. Morto!
Devia ter planejado
com mais cuidado.
Revolucionários fanáticos raptam a
filha de um milionário por 8 semanas.
Ele podia sofrer lavagem cerebral.
Podia mudar de lado!
– Evidentemente mudou.
– Com o devido respeito, Sr,
treinei por 2 semanas
e só fui morto uma vez.
Duas. Esqueceu a mina
terrestre no Mar Negro.
Correção, Sr:
perdi as pernas, não morri.
Foi imobilizado.
Nunca serei o mesmo
com simulações.
É diferente em campo.
Com sua vida em jogo…
A adrenalina lhe dá vantagem!
Mas sua vantagem está afiada?
Isso difere um 00 de um cadáver.
Desde que assumiu, Sr.,
faz pouco uso dos 00s.
Perco muito tempo ensinando,
– não fazendo.
– Oh, não é segredo.
Considero muito menos seus métodos
do que meu ilustríssimo predecessor.
Mas o meu dever é mantê-lo a par.
Muitos radicais livres,
esse é o seu problema.
-Radicais livres, Sr?
-Toxinas que destroem corpo e mente.
Por comer muita carne vermelha
e pão branco. E muitos dry martinis.
– Então cortarei o pão branco, Sr.
– Fará mais do que isso, 007.
De agora em diante estará
sob dieta restrita e exercícios.
Expurgaremos essas toxinas de você.
– Shrublands?
– Acertou.
– Alguma missão, James?
– Sim. Sim, Moneypenny.
Eliminar todos os radicais livres.
Tenha cuidado.
– Bem-vindo a Shrublands, Sr.
– Obrigado.
– Ouça, não fazem mais destes.
– Tem razão.
– Ainda está em muito boa forma.
– Por aqui, Sr.
Seu corpo tem cicatrizes
por um regimento inteiro.
– Certo, mas ainda está em boa forma.
– Julgaremos isso, Sr Bond.
Nosso trabalho não é apenas
reabilitá-lo. É reeducá-lo.
Abriremos sua mente para as virtudes
da nutrição, exercício, meditação e,
espero, iluminação espiritual.
Gostaria que visse o iridologista
às 16:00, colonoscopista às 17:00
e poderá ir à sala de estar
para um refrescante chá de salsa.
Sr. Bond, precisamos de uma amostra
de urina. Pode encher isso pra mim?
Daqui?
Bonjour!
– Caixa 274 e rápido, por favor.
– Oui. Suivez-moi.
Investimos extensivamente
no Oriente Médio e América Central
para promover
insurgências e revoluções.
Felizmente nosso investimento
é regiamente compensado
com a venda
de armamentos e mísseis.
Notarão que temos abastecido
rebeldes e forças governamentais
em bases iguais.
Em matéria de morte, a ESPECTRE
é estritamente imparcial.
Agora o futuro. O mais audacioso
empreendimento da ESPECTRE,
perto do qual nossas venturas
anteriores são sem importância.
Nosso estimado N. 1 está
encarregado desta operação inteira,
que será doravante chamada
de “As lágrimas de Alá”.
Ele agora se juntará a nós.
De acordo com os planos,
um oficial da força aérea americana
foi apresentado
a um vício cruel: heroína.
Soube que ele agora é nosso
solícito e obediente servo.
Uma cirurgia foi realizada nele.
Como resultado
de um implante de córnea,
sua impressão
ocular esquerda é agora
réplica exata da
do Presidente dos EUA.
Ele logo será movido para uma clínica
de recuperação próxima a Londres.
Escolhi o N. 12
para ter a responsabilidade
do mais terno e amoroso cuidado
com o Capitão Jack Petachi.
Perdão.
Não há limite de velocidade aqui?
Ela não é funcionária.
Deve ser uma enfermeira particular.
Meu nome é Bond.
Oh, é o Sr. Bond!
Creio que o verei em meia hora.
– Esplêndido! Seu quarto ou o meu?
– No meu.
Isso! Agora chegue pra trás
no sofá, por favor. Isso!
Agora, esta mão no ombro.
Esta… Não, aqui em baixo. Bom.
OK, agora relaxe.
Sim, há pequenas lesões
nas vértebras torácicas.
Agora, só fique parado.
Sim. Tensão sacroilíaca
na base da coluna.
Sabe, há terapia mais benéfica
para as costas de um homem.
Mesmo?
E o que seria?
Acho que o surpreendi, James.
Surpreendeu! Entre.
Não. Não posso. Sabe,
se me acham aqui me despedem.
Não deixarei ninguém achá-la.
Não se preocupe.
Tenho uma reputação a zelar.
Não acho que fez reputação vivendo
sob dieta de arroz selvagem. Então…
Delícia de lentilhas.
Salada de dente-de-leão.
Queijo de cabra.
Caviar Beluga.
Ovos de codorna. Vodka.
Foie gras.
Estrasburgo.
“Durante a entrevista
na Câmara dos Comuns hoje,
o Ministro disse que
as autoridades locais deveriam…”
Jack fumou de novo!
Jack foi proibido de fumar.
Fumar é sujo.
Entra nos olhos de Jack.
Jack deve fazer o que dizemos se quer
carros velozes e roupas bonitas.
– E se quer sua irmã viva.
– Deixe Domino fora disso!
James?
Levante-se!
Agora vamos dar uma olhada, sim?
Muito bom.
Com lentes de contacto ambos
os olhos parecerão exatamente iguais.
Agora querido, deve fazer
seu truque em 8 seg.
Depois a enfermeira
dará ao bebê seu doce.
Vamos, Jack!
– Maldição!
– Tente de novo, querido!
Quem está aí? Um homem!
– Na janela!
– Não se mova.
– Ele viu você?
– Não sei.
Acho que sim.
– Você o conhece?
– Oh, sim!
– Bom-dia, Sr. Bond.
– Bom dia.
A Srta Fearing me disse
que está progredindo bem.
Oh, sim.
Mas devo dizer que parece
um pouco pálido esta manhã.
– Fiquei acordado a noite toda.
– Não exagere.
Um enema de ervas
deve corrigir isso.
Obrigado!
Isto soa fantástico.
Acabarei num minuto.
Pesado, Sr. Bond?
Vamos tentar de novo.
Seus lunáticos!
O envio a uma clínica de recuperação
para ficar em forma. E você a destrói!
Tive que notificar a polícia local, acionar
nosso pessoal, amordaçar a imprensa
e alocar parte do meu magro orçamento
para reformar o estabelecimento!
– Um homem tentou me matar, Sr.
– O pegou seduzindo a esposa, não?
Não, Sr, absoutamente.
Na verdade perdi 2 Kg
e Deus sabe quantos radicais livres.
Este é tipo de atitude
que me tenta a suspendê-lo, 007!
Este teste avalia
distância e precisão
dos mísseis lançados pelo país.
Estes ALCMs com ogivas falsas
passarão no terreno seguinte, inertes,
sobre a água, na direção do alvo.
– Esperamos.
– Aguardando.
Regressiva para carregar
de ogiva falsa e voo de B-1.
Esperemos nunca usar a real.
Boa sorte.
Certo, homens, é isso.
Vamos fazer isto bem.
Sr. Presidente,
por favor aguarde
a autorização para o procedimento
ser confirmada por impressão ocular.
Se a confirmação não for autenticada
em 8 seg a base será selada.
8, 7,
– 6, 5,
– Vamos!
– 4, 3, 2,
– Vamos!
1. Obrigada.
Autoridade presidencial confirmada
para mudança de procedimento teste.
por dispositivo termonuclear W80.
Tenha um bom dia.
Jack!
Bravo!
Não! Não!
Oh, meu pobre anjo!
Meu doce bebê!
Sr. Kovacs, quanto mais?
Estão vindo.
Estão quase ao alcance.
Oficial de segurança para base. Alerta!
Radar confirma mísseis em descendente.
Que diabos está havendo?
Em máximo empuxo e ainda caindo!
– Em altitude mínima de cruzeiro.
– Descendo abaixo da altitude mínima…
Maldição, o perdemos!
Os pegamos!
– Então, Kovacs?
– Peixes na rede.
Ponha-os no gelo.
Sou o comandante supremo
da ESPECTRE,
Executivo Especial
para Contra-inteligência,
Terrorismo, Retaliação e Extorsão.
Ontem de manhã
a Força Aérea Americana
lançou dois mísseis da base aérea
de Swadley, na Grã-Bretanha.
Por engenhosidade da SPECTRE,
as ogivas falsas carregadas
por ogivas nucleares ativas.
Suas armas de destruição estão
agora seguras em nosso poder
e serão movidas
para dois alvos secretos.
Por favor, notem os números de série
dos mísseis. Confirmarão a verdade.
Suas armas de dissuasão
não nos deterão no nosso objetivo.
Uma terrível catástrofe
agora os confronta.
Entretanto, pode ser evitada pagando
um tributo à nossa organização
no valor de 25% das compras anuais
de petróleo dos seus países.
Cumprimos duas das funções
que a ESPECTRE corporifica:
terror e extorsão.
Se nossas exigências
não se cumprirem em 7 dias,
aplicaremos impiedosamente a 3ª:
retaliação.
Isto são 25 bilhões de dólares por ano!
Ordem!
Non è possibile!
Estas demandas desestabilizariam…
Chamo esta reunião à ordem!
O Secretário do Exterior deseja
lhes falar! Lorde Ambrose.
Srs, fomos confrontados
com o último pesadelo:
o seqüestro de ogivas nucleares.
Mas como isso é possível?
Até agora nossos procedimentos
quanto a dispositivos nucleares
têm sido absolutamente infalíveis.
Espero que o governo americano veja
sua responsabilidade na questão!
A NATO tem responsabilidade
conjunta na resolução, Srs.
Mas se isto vazar,
causará pânico mundial!
Como essa informação
será contida?
À parte os presentes nesta sala,
a informação residirá apenas
com a CIA e a Inteligência Britânica.
Maravilhoso! Significa que agora
será todo o Kremlin!
Conheço seus sentimentos, M,
mas insisto que reative os 00s.
Como desejar, Sr.
“Maximillian Largo,
nascido em Bucareste, 1945.”
“Industrial e filantropista.”
“Residente em Nassau, Bahamas.
Sem associação criminosa conhecida.”
Ainda aqui, Moneypenny?
Devia estar na cama.
James, ambos deveríamos.
Estive procurando você por toda parte.
Esqueça isso. M quer ver vê-lo agora.
Pânico geral lá em cima.
Ele esteve com o PM o dia todo.
Voltou aos negócios, James. Bem-vindo.
– Bom-dia, Srs.
– Bom-dia!
– Últimos relatórios? Tudo bem?
– Sim, Sr.
– Bom-dia!
– Bom-dia, Charles.
Em absoluto segredo os americanos
tentam rastrear os mísseis
a partir do seu litoral leste.
O outro alegadamente ameaça os
campos de petróleo do Oriente Médio.
Eles estão bem protegidos pelo ar?
Todos colaboram.
Americanos, NATO, japoneses…
Colocaram no ar uma tela
em que nem um mosquito passaria.
Nossa preocupação é que
as ogivas já estejam em posição.
A pior devastação resultaria
Os estratos petrolíferos na área,
interligados por uma estrutura
surpreendentemente delicada,
causariam um efeito cascata.
Qual a história dos americanos
sobre essas malditas coisas roubadas?
A liberação dos ALCMs
veio do Presidente pessoalmente.
Mesmo havendo salvaguardas.
Só pode ser autorizado após
escaneamento do olho direito.
A única irregularidade é
que um oficial de comunicações
deixou não-oficialmente a base
no momento do lançamento.
Um certo Capitão Jack Petachi.
Se Petachi estivesse envolvido,
é concebível que ele
tivesse usado um olho falso?
Oh, deixe disso, Bond!
Pensemos numa explicação
mais lógica, sim?
“OK, vamos repassar
a rotina de ontem.”
– Vamos de novo.
– OK.
4, 5, 6, 7, abaixar.
Como sempre, a tenho deixado
muito tempo sozinha. Eu sei.
Mas, trouxe-lhe um presente.
Não quero mais presentes.
Só quero você.
É tudo o que quero.
Eu sei, mas este é diferente.
– Veja.
– Oh, Max…
– Veja.
– O que é isto?
– É muito antigo.
– O que é a inscrição?
– Árabe: “As Lágrimas de Alá”.
A história é que o profeta
chorou pela aridez do deserto
e as suas lágrimas
fizeram um poço.
É uma lenda, claro,
mas como todas as grandes lendas,
é também a verdade.
É a coisa mais valiosa
que já possuí.
Exceto você.
– E confia que eu a use?
– Lugar mais seguro que seu pescoço
eu não poderia imaginar.
E se eu deixar você?
Não, sério.
Então eu cortaria sua garganta.
Bom saber que até o velho Q pode
surpreender um 00 ocasionalmente.
Algernon!
Não totalmente perfeito ainda.
Pode-se escrever um contrato
bem compulsório com isso.
Sim, gostaria de um novo contrato.
Reduziram meu orçamento, sabe?
Não conseguimos peças de reposição.
E quando conseguimos, retêm a entrega.
E olhe este lugar!
Malditamente gelado aqui em baixo.
Destrói meus sinus.
Somos só humildes servos
da Coroa, Algy.
Se a CIA me fizer uma oferta,
sairei como um tiro.
Recursos ilimitados, ar-condicionado,
28 sabores de sorvete
no restaurante.
É uma moto de brinquedo.
Se a fizer funcionar a darei a você.
Um minuto!
Tenho algo que poderia ser útil.
O protótipo veio de um desertor da KGB.
Um garoto-prodígio da seção técnica.
Não é mau sujeito, mas como todo
desertor, propenso à melancolia.
Suponho que é toda
essa vodka e o clima inglês.
Muito bom, este. Parece um relógio,
mas é na verdade um laser.
– Marca bem o tempo.
– Mas, por quanto tempo?
Pelo menos no seu tempo de vida.
Bom vê-lo, Sr. Bond. Têm sido
terrivelmente maçante por aqui.
Burocratas dirigindo tudo
pelas regras.
Não posso tomar uma decisão
se o computador não diz “prossiga”.
Agora que está nisso espero que
tenhamos sexo gratuito e violência.
Certamente eu também.
Para que serve isso?
Vou lhe mostrar.
Você o desenrosca
e depois o enfia no seu nariz.
– É para o meu sinus.
– Não precisarei disso aonde vou.
Aonde vai? Ou não pode dizer?
– Às Bahamas.
– Sortudo maldito!
– Oh, desculpe.
– Tudo bem.
– O que espera pegar?
– Algo com uns 1,89 m, 86 Kg,
– olhos castanhos.
– Para que então ir ao mar?
Deixe-me ajudá-la.
Sr. Bond!
– Eu disse, Sr. Bond!
– Pego você mais tarde, talvez.
Certo.
Nigel Small-Fawcett,
Embaixada Britânica, Nassau.
– Como vai, Nigel?
– Desculpe pelo atraso.
Como está encoberto, tomei
a precaução de não ser seguido.
E por isso gritou meu nome
pelo porto?
Oh, Deus, gritei? Desculpe.
Maldição. Maldição!
Desculpe. Sou novo nisso.
– Qual a pontuação sobre Largo?
– Ele é bem visível por aqui.
Imensamente rico.
Dono do maior barco no Caribe.
Passa muito tempo num lugar
chamado Bluebeard Reef.
Arqueologia marinha, soube.
– Já o coneceu?
– Sim. É encantador.
Quero dizer, estrangeiro,
mas encantador, todavia.
Doa muito dinheiro para causas nobres.
Construiu um museu marítmo
– e uma nova ala para o orfanato.
– Certamente é muito gentil com a mãe.
Não conheço a mãe dele.
Não vai causar problema,
vai, Sr. Bond?
Sua reputação o precede.
– Pareço do tipo que causa problema?
– Sim, francamente.
E comprometerá o turismo
se sair por aí matando pessoas.
Nigel, por favor.
Volte para a sua mesa.
Descubra onde está o barco de Largo.
Me lique depois. Estarei no meu hotel.
Muito bem.
Farei isso imediatamente.
E tire máximo proveito
da cobertura natural.
– Este é o Flying Saucer, Sr?
– Sim, zarpou esta manhã.
Que imprudência a minha.
Molhei você todo!
Mas meu martini ainda está seco.
Meu nome é James.
Olá, James!
Sou Fatima Blush.
Esquia muito bem.
Faço muitas coisas muito bem.
Estou certo que faz.
– O que o traz à Nassau, James?
– Estou pescando.
– O que?
– Qualquer coisa que consiguir.
Conheço as melhores águas.
Me alegraria mostrá-las a você.
E por que faria isso?
Gostaria de encontrar
o que você está procurando.
Sou todo seu.
– Sim?
– James, pode descer, por favor?
Imediatamente.
Acho que isto
lhe serve perfeitamente.
Tenho certeza que sim.
– É maravilhosamente bem equipada.
– Obrigada, James.
– Você também.
– Obrigado.
Exatamente para que
vamos lá embaixo?
Esporte. E um pouco de diversão.
Você me parece tensa.
Você me afeta, James.
Bem, isso é ruim.
Ao descer alguém sempre
deve estar relaxado.
É longe o recife?
Longe o bastante.
Temos tempo para matar.
– Você!
– Disse que me pegaria mais tarde.
Oh, Deus!
– 623 e…
– 728.
Aqui está. Sem recados.
– Alô?
– Sr. Bond! Finalmente o encontrei!
É Small-Fawcett. Espero não
tê-lo pego num momento embaraçoso.
Não, em absoluto. Seja breve.
Não tenho muito tempo.
Só queria que soubesse
que estou por cima de tudo.
Descobri que o barco de Largo
está em rota para o sul da França.
– Muito bem.
– Não foi nada, mesmo.
Se estiver livre amanhã,
por que não vamos mergulhar?
– Parece uma maravilhosa ideia.
– Muito bom, Bond!
Porque queria discutir com você…
– O que foi isso?
– Sr. Bond!
– Prova que tomamos a decisão certa.
– Sobre o que, querido?
Seu quarto ou o meu.
Descobri uma vila para nós
como você queria. É perfeita!
O Flying Saucer
está ancorado na baía.
E Q enviou isto.
Obrigado.
– Pegue!
– Abaixe-se!
– Felix!
– Nada mau.
Nada mau mesmo. Nada errado com
seus reflexos. Como está, amigo?
– Que diabos faz aqui?
– A CIA me mandou caçar com você.
– 326.
– Como está?
– Perdoe minha inexperiência. Nicole.
– Sou Felix Leiter. Enchanté.
Obrigado. Meu carro está ali.
Chequei umas coisas
no computador de Langley.
– Algo sobre Largo?
– Não, ele está bem limpo.
Acho que desta vez
sua intuição falhou, amigo.
– Algernon, certo?
– Sim.
Tive a 1a destas
e explodiu na minha cara.
A moto veio para você da Inglaterra.
Os documentos.
– O que fará com esta moto?
– Saberei quando testá-la.
Será o seu traseiro, James!
Obrigado.
– Felix!
– Sim?
Esqueça a sopa.
– Banqueteie seus olhos naquilo.
– O que tem aí, James?
– É a mulher de Largo.
– Chama-se Domino. Domino Petachi.
Petachi! O oficial da força aérea
morto no acidente de carro.
– Jack Petachi.
– Certo. Ele era seu irmão.
Bem, lá está o homem em pessoa.
Se ele tiver as bombas,
acha que estão no iate?
Improvável. Mas pegue o equipamento
de mergulho. Vamos checar.
Certo.
Bem-vinda ao Centro de La Santé.
Espero que aproveite as instalações.
Merci.
– Bonjour.
– Bonjour, monsieur.
– Vocês atendem homens aqui?
– Mas é claro.
Alguns homens mais do que outros.
Srta. Petachi! Ninguém me disse
que estava aqui. Lamento.
– Fala inglês! Sim?
– Sim. Muito bem, na verdade.
Agora, forte ou suave? Massagem.
Forte, por favor.
Bem, talvez devamos
começar por suas costas.
Eu… não acredito que
tenhamos nos visto aqui antes.
Não, eu estava num barco.
E que barco seria este?
O Flying Saucer.
– O barco do Sr. Largo!
– Sim. Conhece o Sr. Largo?
Sei sobre ele.
Sei que é dono
de muitas coisas lindas.
Sim, é muito generoso,
o Sr. Largo.
Tenho certeza que é.
Está dando um baile de caridade
esta noite no cassino, para as crianças.
Que causa nobre!
Talvez eu deva comparecer.
Adoraria convidá-lo. Mesmo.
Mas receio que a lista de convidados
seja muito restrita. Desculpe.
C’est la vie.
C’est la vie?
Assim é a vida.
Assim é a vida.
Isso é tão bom…
Certamente.
Como?
Certamente você precisa.
Você tem…
leves lesões
nas vértebras superiores.
Pode ir um pouco mais abaixo,
por favor?
– Mais abaixo?
– Sim, por favor.
Por favor.
Oh, bem aí…
Oh, é tão bom!
– Bonjour!
– Bonjour, monsieur.
Desculpe, mademoiselle.
Estamos tão ocupados hoje!
– Onde o massagista vai?
– Quem?
– O homem, o mass…
– O que passou? Não trabalha aqui.
Nunca o deixarão entrar.
Melhor eu esperar por você.
Não, Nicole.
Volte para a vila.
– Descubra aquela vila!
– Oui, mademoiselle.
Monsieur?
Espere um minuto! Você aí!
Eu não comeria o peixe.
Deve ter um medo irracional de
penetras para portar artilharia pesada.
Esta bomba tem
um minúsculo giroscópio dentro.
Qualquer movimento e você poderá
ser servido num porta-ovo.
Se entendeu o que lhe expliquei,
acene gentilmente.
Bom garoto.
Firme!
Olá de novo!
Devo-lhe uma explicação.
Meu nome é Bond. James Bond.
Posso lhe oferecer uma bebida?
– Forte ou suave?
– Suave.
Um Bloody Mary duplo
com muito molho Worcestershire.
Odeio pensar o que acha forte!
Vodka com gelo para mim.
Acho que a perdeu.
Acha mesmo que eu perderia uma mulher
para um agente britânico mal pago?
Sim. Aviso-lhe,
se não o executar imediatamente
ele pegará a sua Domino.
É possível que tenha falhado
na sua tentativa porque o quer…
para si mesma?
Maximillian?
Por que se torturar
por esse tipo de mulher?
Talvez um dia você tenha
que matá-la, Fatima.
Seu senso de humor é delicioso.
Por onde anda seu irmão?
Está a caminho daqui.
Não posso esperar para vê-lo.
– Como conhece meu irmão?
– Olá!
Deve ser o Sr. James Bond, certo?
Monsieur Largo.
Sim, certo.
Você é um homem que
aprecia jogos?
Depende com quem estou jogando.
Sim. Podemos?
Junte-se a nós.
Estes são meus amigos.
Me honram vindo do mundo todo
perder dinheiro
para minha caridade favorita.
– E qual seria?
– Crianças. Crianças órfãs.
Então… Aqui estamos.
O jogo se chama “Dominação”.
Eu mesmo o criei.
Mas meu problema é nunca
ter achado um valoroso adversário.
Sem dúvida o desapontarei também.
Veremos.
Querida.
Este jogo tem um objetivo: poder.
Lutaremos por países, escolhidos
aleatoriamente pela máquina.
Mas para esta demonstração
escolherei a França.
As áreas-alvo serão acesas no mapa.
Quem primeiro as acertar
com o laser marcará pontos.
Mas há outro modo de ganhar.
Com a mão esquerda
você controla 2 mísseis nucleares.
Com a direita controla um escudo
para bloquear meus mísseis.
Mas se falhar… Bum!
Ganho o jogo.
Você será o vermelho.
Eu serei o azul.
Está pronto?
Começar.
Obrigado, Srs. A eterna batalha
pela dominação do mundo começa.
– Jogaremos por dólares.
– Seleção de alvo aleatória: Espanha.
Valor: $9.000.
Jogar!
Azul ganha $9.000.
– Me deu um choque.
– Desculpe. Esqueci.
Ao contrário dos generais de gabnete,
dividiremos a dor com os soldados
na forma de choques elétricos.
Um último ponto: se você soltar
os controles, perde o jogo.
Como você não sabia disso,
recomeçaremos o jogo.
Redefinir. Obrigado.
Alvo aleatório escolhido: Japão.
Valor: $16.000.
– Jogar.
– Com licença. Com licença.
Azul ganha $16.000.
Jogada de sorte minha.
Talvez eu não tenha explicado.
Quando a aposta aumenta,
também aumenta o nível de dor.
Um pouco como a vida.
Podemos continuar?
Claro.
A eterna batalha pela
dominação do mundo começa.
Alvo aleatório escolhido:
Estados Unidos.
Valor: $42.000.
Jogar!
Nível de dor vermelho a 50%.
Nível perigoso.
Repito: Nível perigoso.
Nível de dor vermelho: 80%.
Perigo! Perigo!
Perigo!
Domino.
Com licença.
Você está bem?
Ótimo.
Perdeu $58.000.
Isto vai, claro, para minha caridade.
Acho melhor não continuarmos.
Podemos jogar mais uma vez
pelo resto do mundo?
Ganhar ou perder?
Sabe o que isso significaria?
– Boa sorte.
– Você também.
Jogo final.
Países restantes do mundo.
Valor: $325,000.
Jogar!
Míssil azul destruído.
Nível de dor azul: 50%.
Nível perigoso
Repito: Nível perigoso.
2o míssil azul destruído.
Nível de dor azul: 55%.
Perigo!
– Max!
– 65%.
Nível de dor azul: 70%.
– Nível de dor em 80%.
– Max!
85%. Perigo! Perigo!
– Max!
– Perigo!
Com licença.
$267.000.
Liquido por uma dança
com Domino.
Então…
Perde tão graciosamente
como ganha?
– Não sei. Nunca perdi.
– Joguei este jogo…
e perdi. Só isso.
– Ele nunca foi tão longe antes.
– Ele está certificado.
– Um tango, sim?
– Oui, monsieur.
O que procura?
– Em parte é sobre seu irmão.
– O que sobre o meu irmão?
Sabia que irmão
trabalhou para Largo?
Impossível. Jack está
na força aérea americana.
Precisamente por isso
Largo o usou.
Seu irmão está morto.
Continue dançando.
Largo é o principal suspeito.
Seu irmão foi usado e eliminado.
Se movem bem juntos, não?
Hoje você tem outra chance.
Desta vez é melhor não falhar.
Número 12.
Excelente!
– Dança espantosamente bem, Sr Bond.
– É Domino, de fato.
– É um prazer segui-la.
– Eu sei.
Adoraria tê-lo no almoço.
Se ainda estiver por perto amanhã,
por que não vem ao nosso barco?
– Amanhã não é bom pra mim.
– Por que?
– Vou pegar Jack.
– Não, não é possível.
Jack ligou cedo dizendo
que adiou novamente.
Pelo menos mais uma semana,
talvez duas.
Tchau, tchau!
Muito obrigado.
Nicole?
Nicole!
Não toquem nele!
Ele é meu!
Vamos, vamos, vamos!
Parado!
Sente-se.
Sua arma.
Com cuidado.
Para cá.
Afaste suas pernas.
Muito bom.
Você é homem mesmo,
Sr. James Bond.
Mas eu sou
uma mulher superior.
Adivinhe onde
vai levar o primeiro.
– Em vista do seu ódio aos homens…
– Mentiroso!
Sabe que fazer amor com Fatima
foi o maior prazer da sua vida.
Bem, para ser franco,
– ouve uma garota na Filadélfia…
– Cale-se!
– Sou a melhor.
– Sim.
Sim, está certa.
Na verdade,
ia pô-la em meu memoir
como a nº 1.
Escreva.
Escreva!
Agora escreva isto:
O maior êxtase da minha vida ocorreu
a bordo de um barco em Nassau
com Fatima Blush.
Assinado, James Bond,
Acabei de lembrar.
É contra a política do serviço
– agentes fazerem endossos.
– Escreva!
Agora mesmo?
Agora mesmo.
Não foi aperfeiçoado ainda.
Bom show, James!
Q conseguiu mesmo, não?
– Há quanto tempo está aqui?
– O bastante.
– O bastante para que?
– Para ver como lidou com a dama.
Venha!
Por aqui!
Allez! 1, 2.
1, 2.
Monsieu Largo o aguarda, Sr.
Claro. Obrigado.
Por aqui, Sr.
Bom dia. Um pouco adiantado
para o almoço.
– Eu sei. É embaraçoso.
– Preparar para partir.
– Camareiro, roupas para o convidado.
– Estou impressionado.
– Vim almoçar e ganho um cruzeiro.
– Por que? Tinha outros planos?
– Não, mesmo. Estou à sua disposição.
– É claro. Cigarro?
Não, hoje não. Obrigado.
Então…
– Uma bebida?
– Vodka martini?
Claro.
Minha sala de controle.
Daqui o mundo vem a mim.
Poderia dirigir
um pequeno governo daqui.
Não. Poderia dirigir
um grande governo daqui.
– Qual é seu último investimento?
– Petróleo.
Um novo depto, que deixa minhas
outras iniciativas sem importância.
Bem, se é tão grande, espero
que não exploda na sua cara.
Sr. Bond! Desculpe-me.
Tenho trabalho a fazer.
Tempo é dinheiro.
A propósito,
os camarotes ficam na popa.
Não esqueça, 12:00.
Almoço.
Sr. Bond…
aproveite o navio.
Sr. Bond!
Há roupas limpas em sua cabine, Sr.
– Se quiser me seguir…
– Obrigado.
O que houve com meu irmão?
– Por que está aqui?
– Apenas confie em mim.
“As lágrimas de Alá”.
Isso significa algo pra você?
É isto.
Ele me deu.
– Disse que era muito valioso.
– Não parece.
Tem ideia para onde vamos?
Norte da África. Ele tem uma casa,
um lugar chamado Palmyra.
Tenho que transmitir
uma mensagem daqui.
Pode ser arriscado,
mas precisarei da sua ajuda.
– O que quer que eu faça?
– Vou beijá-la.
Quero que aja como se gostasse.
Farei isso por duas boas razões.
Uma porque espero
provocar uma reação.
E a outra?
Porque sempre quis.
Falso alarme!
Falso alarme!
Toda a tripulação
retorne aos seus postos.
Mensagem de um dos nossos navios
no Mediterrâneo. Acho que é Bond, Sr.
– Já era tempo.
– Sim, usou o código de emergência TZ.
– “Indo Norte África, Palmyra”.
– Palmyra? Onde é isso?
Não faço ideia, Sr.
Bem, descubra, sim?
Farei o que puder, Sr.
Norte da África?
– Muito impressionante, hum?
– Muito.
É meu refúgio, onde descanso
e aproveito meus tesouros.
O que acha…
da sua nova casa, minha princesa?
Bond, o jogo acabou.
Levem-no!
Et doucement!
Isto pertenceu à Napoleão.
É meu maior tesouro.
Pegue.
Pegue.
Mas com cuidado.
É seu presente de casamento.
Você me traiu.
Mas a perdôo.
E meu irmão?
Seu irmão…
Odeio você. Odeio você.
Oh, Domino…
– Domino!
– Você é louco.
Sim, talvez eu seja louco.
Que vista maravilhosa!
Quer ver?
Todo jogo tem um vencedor.
Então…
Ciao bello!
– Largo!
– Bond.
Neste caso,
onde escondeu as bombas?
Ainda pensa em escapar?
Devo dizer, admiro seu espírito.
Bem…
A bomba N. 1 está direto
sob os pés do Presidente:
em Washington D.C.
E a N. 2?
Você é um ótimo agente secreto.
Verdade.
Adeus!
Estou certo
de que isto irá diverti-la.
Adeus, Domino.
Cubra isso!
– Segure-se!
– O que está fazendo?
James!
– Bom, é um homem difícil de seguir!
– Ligue para Washington, Felix.
É onde a 1a bomba está.
Nunca foi assim quando
estava na marinha.
Aqui está.
O que há?
Vai atrás de Largo, não?
Tenho que ir.
Quero ele tanto quanto você.
Provavelmente mais.
Entendo que o odeie.
Talvez não o odeie tanto
para arriscar perder você.
Mas não quero arriscar
perder você também.
Com. Bond, a bomba de Washington
foi localizada e desarmada.
Agora, Sr., de Londres,
seu chefe quer falar com você.
Aqui é M. Quebramos o código
para desarmar as ogivas,
mas só temos 5 horas
para achar a 2a bomba.
Como sabe, tenho absoluta
confiança em você e…
– É o que me faz continuar, Sr.
– Bond, então serei breve.
Sei que tem as mãos ocupadas.
Se você sair desta
terrível provação incólume,
gostaria de lhe oferecer
um almoço no meu clube. Câmbio.
É uma emocionante perspectiva, Sr.
Mas se eu sair dessa,
talvez eu tenha outros planos.
– Manter a 300.
– Manter a 300.
Lá está ele, Sr!
– Qual é a leitura?
– 7 braças, Sr.
Não há como chegarmos lá.
A água está muito rasa.
Nada.
Nada se move a bordo.
Vigilância AWAC
não reporta nada na costa.
Por que Largo ancorou aqui?
Seu pingente.
Me dê.
Isto é “As lágrimas de Alá”.
A história diz que o profeta chorou
e suas lágrimas fizeram um poço.
O contorno é o mesmo.
O diamante deve marcar um lugar.
Deve ser por aqui.
Bem onde os
campos petrolíferos começam!
O sonar indica cavidade abaixo
do nível do mar a 015 graus.
Com. Pederson, está equipado
com os novos XT-7Bs?
É supersecreto.
Como sabe sobre disso?
De uma tradução russa
de um dos seus manuais de serviço.
Desculpe por isso.
Portas abertas.
Disparar 1!
Disparar 2!
Cortar rastro.
Cuidado com a carcaça!
Cuidado!
Tenho que entrar.
Não temos muito tempo.
e consiga ajuda.
Kovacs! Kovacs! Venha.
Aqui, veja.
Muito bem, Dr. Kovacs.
Continue. Continue.
Quando a ogiva estiver pronta para
a viagem final, brindaremos a isto.
Nada mais pode nos impedir.
A corda-guia!
Mantenham a tensão!
“As lágrimas de Alá”.
Doce, como dinheiro.
Por séculos este tem sido
um monumento ao poder,
mas nada como o que temos.
Hum, Kovacs?
Você, lá pra cima!
Leiter, abaixe-se!
Por que demoraram? Parem com
a artilharia pesada. Bond ainda está lá!
Está armada.
Largo fugiu com a ogiva.
Chame um helicóptero!
Tentarei o oásis. Boa sorte!
Bond passou!
Vamos entrar!
Ah, aqui está!
Sempre bebo um martini às 17:00.
Nunca deixará
seus velhos hábitos, James.
Não, se engana.
Esses dias terminaram.
Oh, não!
Desculpe, Sr. Bond. Obviamente
o peguei num mau momento.
– M o enviou?
– Para pleitear o seu retorno, Sr.
M diz que sem você no serviço
ele teme pela segurança

Get Adobe Flash player

Comments are closed.